O Mundo Gira, A Lusitana Roda…

2010/06/15

PRATO DO DIA

Filed under: Matutando — trezende @ 08:46

Não acompanhar o “Brasileirão”, o “Paulistão” ou qualquer outro “ão” tem um lado ruim: imaginamos que só porque é Copa do Mundo estaremos diante de plenas demonstrações de futebol-arte.
Bastou assistir à pelada Camarões x Japão para entender que até a Copa tem seu momento Ferroviária x União São João.
Atenção: não se deixem levar pelas caras de conteúdo dos homens ao assistirem uma disputa como essa. Faz parte da tentativa de vender a ideia de que é preciso “entender” de futebol para comentá-lo. Que nada. Jogos-várzea são importantes para exercitarmos nosso poder digressivo.
As sugestões começam na escalação dos times. A sensação de ouvir os nomes dos japoneses é a mesma que temos ao percorrer uma prateleira de eletrônicos na rua Santa Ifigênia: Nakazawa, Yano ou Okazaki? Qual marca é a melhor? Não sei, assim como os atletas japoneses, nenhuma delas inspira a menor confiança.
E a seleção de Camarões então? É preciso ser muito macho para dividir a mesma grama com um armário de dois metros de altura chamado “Chupô-Mutin”. Ronaldo amarelaria? Ou se lembraria com carinho da finada Andréia Albertini? Que Deus o(a) tenha.
O jogo começa bonito, com correria de ambos os lados. Os japoneses – que sabidamente se espremem em casas-cápsula – não escondem o contentamento de poderem realizar suas Change-jogadas num tapetão daqueles. Change Dragon e Change Pegasus, digo Honda e Tanaka, são só alegria.
Não demora muito surge o único gol da pelada. É de Honda – que se fosse Kawasaki teria feito diferença no placar. O esquadrão Pokémon vai à loucura.
No segundo tempo, já com um cheirinho de sushi de camarão no ar, o técnico tenta salvar seu elenco apresentando novos ingredientes à mesa. Entram Emaná (“Com Manah, adubando dá”) e Geremi – que como não é nem salvador e nem profeta, consegue livrar seus companheiros da faca afiada dos ninjas.
O resultado é um delicioso camarão no Aji-No-Moto. O segredo? É o amoooor!

Anúncios

4 Comentários »

  1. A sensação que eu tenho ao ouvir os nomes japoneses anunciados por locutores brasileiros é um misto de vergonha alheia com raiva. Na boa, são todos umas antas e pronunciam tudo errado. E nomes japoneses são muito mais fáceis de pronunciar que nomes ingleses ou americanos… isso quando o profissional não é preguiçoso, claro.

    Comentário por Felipe Nasca — 2010/06/15 @ 10:38

  2. Minha querida futebolista amiga Tati, eu já assisti uns sete jogos, êta copa ruizinha!! Tem mais mídia, barulho de corneta horrível do que futebol. Espero que a nossa também não decepcione.

    forte abraço

    C@urosa

    Comentário por caurosa — 2010/06/15 @ 13:28

  3. Quarta de final ate agora nada de explosao,aguardamos que o nivel melhore senao a Copas das Vuvuzelas a dolorosa sera a bola de supermercado.

    Comentário por Juventino — 2010/06/15 @ 17:50

  4. Nas palavras de um amigo meu: “Não vejo a hora dessa Copa acabar; ela está interrompendo a Libertadores do São Paulo”!

    Comentário por Eduardo Magera — 2010/06/21 @ 17:25


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: