O Mundo Gira, A Lusitana Roda…

2010/02/25

O SEGREDO

Filed under: A real do mundo real — trezende @ 10:34

Felicidade é um sentimento que, apesar de almejado, poucos são capazes de defini-lo. Talvez porque subjetivo. Ou polêmico.
Uma matéria publicada pelo jornal britânico “The Times” chega para confundir ainda mais a mente dos casados: “Felicidade é um banheiro separado”.
Logo no início, a pergunta: “É possível continuar gostando de alguém mesmo após vê-la sentada no trono?”.
Os “pró-privadas independentes” têm defensores como Catherine Zeta-Jones e Michael Caine. Segundo a reportagem, recentemente ambos declararam que o segredo para um casamento feliz não é fidelidade, amor eterno ou admiração mútua, mas banheiros independentes.
Michael Caine – que está há 37 anos com a mesma mulher – costuma separar-se “higienicamente” da esposa até quando hospeda-se em hotéis. Catherine Zeta-Jones – há dez anos com Michael Douglas – crê que é sempre uma ótima saída: “O meu é tão bagunçado que eu odiaria que meu marido soubesse o quanto ele pode ser caótico”.
Ainda de acordo com o “The Times”, não há nenhum dado oficial que relacione a taxa de divórcios ao número de banheiros, mas para Andrew G. Marshall – terapeuta de casais e autor de “Como Posso Voltar a Acreditar em Você?” – a equação é simples: portas fechadas = vida sexual melhor.
“Ver o outro sentado no trono tira todo o mistério. Todos nós sabemos o que se passa dentro do toalete, não temos de assistir a isso. Nós queremos nos sentir deuses ou deusas diante dos nossos parceiros e a inexistência de privacidade pode esbarrar na atração sexual”.
Se Catherine Zeta-Jones e Michael Caine estão certos de que dividir o banheiro é uma tragédia, a atriz burlesca Dita von Teese acredita que o bom senso é o mais importante.
Apesar de não expulsar o namorado do banheiro, ela acha que algumas atitudes podem ser deixadas no mundo privado. E pergunta: “Por que não manter o mistério o máximo que você puder? Eu mesma pinto meu cabelo, mas não permito que ele me veja. Eu sei o quanto é ridículo andar nua pela casa com tinta no cabelo e nas sobrancelhas”.
Se há controvérsias quanto ao nível de felicidade ou de desejo, já há uma certeza no mercado imobiliário. A reportagem cita a experiência dos corretores. Eles dizem que a demanda por banheiros para eles e para elas ocupa o topo do mercado. Na falta dos dois ambientes, a procura é por pias separadas.
O mais razoável é mesmo a opinião de Dita von Teese. Todos temos de instalar torneiras misturadoras em nossos cérebros. Nem água quente demais, nem gelada. Aí é que mora o segredo.

Anúncios

9 Comentários »

  1. É fácil falar quando se é uma Dita von Teese. A criatura seduz até maçaneta de porta. Liiiinda!
    Cá de minha parte, bato o martelo: banheiros separados. Azucrination zero.
    Já estou fazendo cursinho para trocar de roupa tão rápido quanto a comissão de frente da Tijuca. Grande passo em prol da harmonia na hora de sair.
    Mas banheiros… separados.

    Beijocas.

    Comentário por Selma Barcellos — 2010/02/25 @ 10:57

  2. Também assino em baixo, faz parte da elegância e da manutenção da individualidade…pra quem não tem dois banheiros, geralmente existe uma porta que pode ser fechada…bjs

    Comentário por Bernadeth Rocha — 2010/02/25 @ 11:43

  3. Iremos fazer Bodas de prata,graças a pia separada, e banheiro trancado!!!
    Abraços,
    Rosa Magalhães.

    Comentário por Rosa Magalhães — 2010/02/25 @ 12:01

  4. Banheiros Separados, sempre. Tenho quase trinta anos de casada, nunca escovei os dentes na frente do marido.
    Troninho,só com porta echada, senão não há paixão que reiste.
    Tenho uma amiga, que classifica visão do amado no trono como DANTESCA. DAMOS MUITA RISADA …

    Comentário por picida ribeiro — 2010/02/25 @ 13:18

  5. Se eu fosse casado com a Catherine Zeta-Jones, não me importaria nenhum pouco em vê-la sentada no troninho, escovando os dentes ou soltando pum…

    Comentário por Ricardo Rezende — 2010/02/25 @ 15:09

  6. Volto para comentar o achado da ilustração. Bacaninha demais a cena de sexo explícito!

    Beijocas again.

    Comentário por Selma Barcellos — 2010/02/25 @ 15:25

  7. Só uma perguntinha para os adeptos do banheiro/pia separados: o banho também tem que ser separado?

    Comentário por Joubert — 2010/02/25 @ 18:00

  8. Portas fechadas,e como se o zé povinho lá dos cafundós do judas faz suas necessidades no mato e limpa com folha que não pode ser a urtiga faz para lavar as mãos em pia separada.

    Comentário por Juventino — 2010/02/25 @ 23:07

  9. Ai.
    Há tempos em que sonho c/ um banheiro só meu, pode ser pequenininho… Com todo o respeito: já reparou como as mulheres vão tomando conta da pia, p/ ex? A gente não enxerga a pedra, tantos são os cremes, liquidinhos pra isto e aquilo, acessórios e outros badulaques que a gente nem imagina pra que servem! Enfim: acho que parte da felicidade conjugal deve passar por banheiros separados… :-)
    Abç,
    Adh

    Comentário por Adh2bs — 2010/02/26 @ 16:39


RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: