O Mundo Gira, A Lusitana Roda…

2008/12/22

CARA DE CONTEÚDO

Filed under: Vox populi — trezende @ 01:30

reading4

 

oculosO brasileiro lê muito pouco. Em parte pelos altos preços dos livros, em parte por pura falta de interesse. Mas o que é pior: assumir que não lê ou mentir a respeito?

Uma pesquisa realizada na Inglaterra mostra que quase a metade dos homens e um terço das mulheres já mentiram sobre livros na tentativa de impressionar um parceiro em potencial. Uns para parecerem mais românticos, outros mais intelectuais.

Os pesquisadores britânicos acabam de entrevistar 1.543 pessoas. Além de adultos foram ouvidos 864 adolescentes com idades entre 12 e 19 anos. Entre eles, 74% admitiram ter fingido ler algo para impressionar o grupo ou como arma de conquista.

A pesquisa fez parte da programação do “Ano Nacional da Leitura 2008”.

Além da quantidade expressiva de Pinóquios ingleses, vale realçar que gêneros despertam interesse em homens e mulheres.

Uma moça que passa os olhos pelos sites de notícias é a mais atraente para os lordes de lá. Em segundo lugar vêm as que lêem Shakespeare, letras de músicas, livros de culinária, poesia e a biografia de Nelson Mandela, “Longa Caminhada Rumo à Liberdade”.
O que mais impressiona as mulheres é a biografia de Nelson Mandela, seguida por Shakespeare, livros de culinária, poesia, letras de música e sites de notícias.

Com pequenas variações, o perfil entre homens e mulheres inglesas é bem parecido. É entre os adolescentes que o bicho pega. Cerca de 25% gosta que seu alvo amoroso “leia” Facebook ou Myspace.
Se a tendência se confirmar nos próximos anos o Reino Unido é forte candidato a Brasil.

Olhem só quem apareceu ontem a poucos metros do prédio onde moro. Não pude me furtar ao registro:

 

show-madonna-e-lusitana-0961      show-madonna-e-lusitana-0982 

About these ads

10 Comentários »

  1. Seria interessante fazer uma pergunta sobre o livro
    que alguém diz ter lido e na verdade foi a gente que
    leu… no mínimo constrangedor!!!

    Feliz natal…

    Comentário por Hellinho Ferreira — 2008/12/22 @ 01:42

  2. Não vou dar uma de pinóquio não……eu não leio nada pq não tenho ” tempo ” kkkkkkkkkkk

    Em 1921,vc nem no ” rascunho ” estava !!!!!!!!!

    Comentário por Juventino — 2008/12/22 @ 09:28

  3. As misses geralmente apontam “O Pequeno Príncipe” como livro preferido (logo depois de afirmar que o principal sonho é a paz mundial…), mas será que elas sabem quem foi Saint-Exupéry?

    Comentário por Ricardo Rezende — 2008/12/22 @ 13:32

  4. Que pena…
    Adoro ler, de tudo que estiver ao alcance… Pra que mentir? A verdade impressiona mais, a mentira é para os inseguros!
    Não sou fã da Madonna mas seu relato do show foi bem legal; e quanto aos grafiteiros – considero artistas – acho que devem pedir licença aos donos dos muros e embelezar a cidade com sua criatividade. Os pichadores devem ser condenados a prestar serviços comunitários, lavando ou pintando ou restaurando paredes e monumentos, como aqueles dois debilóides que, anos atrás, foram pichar o Cristo Redentor. Choque de cidadania neles!
    Bjão, Feliz Natal!
    Adh

    Comentário por Adh2bs — 2008/12/23 @ 01:43

  5. Pois e’: enquanto aqui na Coreia a livraria e’ do tamanho de um Carrefour (sem exagero, se nao for maior…), e esta’ TODO DIA chapada de gente (com livros a precos pra la’ de modicos), no Brasil pagamos pequenas fortunas pelas obras literarias. Fica facil entender por que o brasileiro nao le (claro que a falta de interesse e’ outro fator importante, mas o bolso sempre pesa mais…nao?).
    Abracos,
    Renato

    Comentário por Renato — 2008/12/23 @ 13:10

  6. Primeiramente, gostaria de chamar a atenção para o fato concreto de que somos diferentes, como tambem são diferentes, as maneiras que percebemos o mundo e nos percebemos no mundo.
    Para alguns, que não Eu, a aculturação apenas é possível, através da leitura de algo escrito, para outros como Eu, nossa aculturação se dá a partir de qualquer de nossos sentidos, razão pela qual, reconheço ser um irriquieto, que não consegue se dispor a ler um bom livro, porem, me reconheço, vendo, ouvindo, refletindo, falando sobre um bom livro interpretado, seja através de um peça teatral (pouco usual), seja através de um filme (muito usual), uma vez que, estas duas artes tem como base um bom livro, ou roteiro.
    Portanto, afirmo que sou avesso a leitura, porem, constantemente me percebo lendo, ora o que é ficção, ora o que é realidade (muitas vezes aquela que nos cerca).
    Abraços,
    Plinio Marcos
    PS.: A capacidade de interpretar, refletir e raciocinar faz parte de todo o Ser Humano, alguns, apenas “fecham os olhos” a qualquer tipo de informação, ou quando muito, por preconceitos próprios se embotam em relação a própria potencialidade interpretativa e interativa com e sobre o mundo.

    Comentário por Plinio Marcos Moreira da Rocha — 2008/12/23 @ 18:27

  7. Nossa eu naõ acredito que estou comentando novamente naquele outro site eu naõ conseguia devido a senha ficava difícil até de entrar no site ainda bem que você mudou o site.Sobre o problema da leitura a maioria das pessoas naõ lê porque os livros são muito caros.Eu por exemplo baixei o livro do Nelson Mota Vale Tudo do Tim Maia porque na livraria é 70 reais e eu naõ tenho todo esse dinheiro já pago 100 reais de banda larga fora as outras despesas incluindo faculdade comprar livro fica difícil.Mais existem também os que naõ gostam de ler.Nem tudo é perfeito.
    Boas festas Tati

    Comentário por Marcia — 2008/12/23 @ 18:56

  8. brasileiro lê calendário pra saber quando será o carnaval e quantos feriados prolongados vai ter no ano… e pra uma imensa maioria que adora a música “Créu(?)” (nem sei como se escreve), leitura é um mero detalhe.

    Comentário por Denis — 2008/12/24 @ 12:41

  9. Prezado Denis,
    Me desculpe, mais ofender simplesmente é ridículo, afinal, sou Brasileiro, TENHO ORGULHO DISTO, muito embora que, exista uma pseudo-elite que nos costuma rotular com estereotipos indecorosos e injustos.
    Tenho certeza de que seu comentário, não teve, e não tem a intenção de agregar a tais estereotipos.
    Quando se fala e samba e futebol, estamos falando do ópio, que é necessário, a milhões de Brasileiros, pelo simples descaso que lhe é dado, pela elite brasileira, aquela que detem algum poder cultural, econômico, Social, Funcional ou Político, afinal, vivemos em uma Sociedade que tem elementos representativos formalmente organizados, institucionais ou não, que deveriam colocar as coisas no “prumo” e no “rumo” certo, logo, tais Organismos são administrados por elementos, muitas vezes, com formação internacional, mas, que por ambição, valores mesquinhos, se abstem de AGIR em função desta mesma Sociedade que se atribui representar.
    Como João Figueiredo certa vez disse: Se tivesse que viver com salário mínimo ja teria dado um tiro na minha cabeça, portanto, o ópio social é necessário para se levar a vida possível, muito embora, muitos poderiam, e deveriam, interferir.
    Somos capazes de criar varas especiais em aeroportos, em função do “caos aéreo”, onde apenas acontece uma indesejável espera, mas somos, incapazes de criar varas especiais em Hospitais, onde a espera é questão de MORTE.
    Abraços,
    Plinio Marcos

    Proponho a leitura do documento Ratificacao de to Ao CNJ, http://www.scribd.com/doc/8518939/Ratificacao-de-to-Ao-CNJ , que de forma clara apresenta a ampliação do colocado.

    Comentário por Plinio Marcos Moreira da Rocha — 2008/12/24 @ 15:29

  10. Sobre leitura, que desde sempre gostei, dinheiro ou melhor, a falta dele nunca foi problema: retirava em bibliotecas, emprestava ( e devolvia) de amigos, lia em salas de esperas, sempre, sempre. Só pude comprar livros quando já adulta e trabalhava, e ainda assim eram os do “circulo do livro” alguem lembra?
    Para ler, basta querer.

    Comentário por picida ribeiro — 2009/01/04 @ 21:38


Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O tema Rubric. Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: